Segredos de Garotos: Ode à Cueca Furada!

A partir de hoje vamos abrir nosso coraçãozinho a vocês mulheres e contar nossos segredos mais escusos, mais obscuros e que sabemos, não faz diferença nehuma para vocês, mas para nós garotos, é de suma importância.

E o primeiro deles é: A Cueca Furada.

A sindrome da cueca furada começa no ser humano do sexo masculino em média aos 14 anos, ou quando este já tem controle total do seu guarda-roupa. Ela começou a ganhar mais força dentro do subscosciente masculino já a muito tempo, mas especialistas afirmam que em nenhum momento da história do macho da sociedade esta sindrome se apresenta de forma tão forte.

A psicanalise afirma que a sindrome tem relação direta com a forma com que o homem expressa sua individualidade masculina. Em uma série de entrevistas, foi demonstrado que 60% dos homens heterossexuais entre 16 á 75 anos tem ao menos uma cueca furada. 25% tem esposas ou mães rigídas demais. 5% não usam cuecas e outros 10% não possuiam nenhuma cueca furada, mas também não souberam responder sua predileção sexual.

A Cueca, é um objeto de grande estima para a maioria dos homens. É o grande símbolo de masculinidade. A cueca perfeita é aquela que deixa você “solto” e confortável, mas também te protege contra eventuais rebeldias do seu amigão lá debaixo.

A Cueca rasgada simboliza o último reduto de individualidade do homem moderno. Em um relacionamento podemos perder a cerveja com os amigos, podemos perder nossa coleção de playboys, podemos perder até mesmo nossa agenda telefônica com o telefone de nossas amigas. Mas quando um homem perde todas as suas cuecas furadas, aí o cabra tem problema. Vira um pobre e moribundo ser dominado pela esposa ou pela mãe.

Sendo assim mulheres, nunca retirem o prazer de um homem de coçar o saco pelo buraco da cueca! É nojento, eu sei. Nós tentamos não fazer isso na frente de vocês, é claro. Mas ainda assim queremos ter o prazer de ver nossa cuequinha furadinha alí, ao lado daquela cueca boxer que ganhamos de nossa tia gorda e chata. Embaixo daquela cueca apertada que deixa nosso amiguinho (e o de vcs também…) em frangalhos. Queremos ve-la lá, triufante, sozinha muitas vezes, mas nunca esquecida.

E para terminar, uma dica: Nunca costurem uma cueca furada! A pior coisa para um homem é ter uma cueca furada. E nunca em hipotóse alguma joguem fora uma cueca rasgada, por mais acabada que ela esteja. Nós queremos ter a chance de faze-lo e prestar as homenagem necessárias a esta grande companheira de batalha.

Obrigado.

Na semana que vem: A Metafisica da Toalha Molhada em cima da cama. Não percam.

Anúncios
Esse post foi publicado em Segredos de Garotos. Bookmark o link permanente.

10 respostas para Segredos de Garotos: Ode à Cueca Furada!

  1. armud disse:

    Eh isso mesmo DYOGUITO !!!

    Akela coçada de laco triunfante … soh mesmo com a cueca furada …

    MUI BIEN …

    Um viva pra ti …

    V I V A ! ! !

  2. Débora disse:

    Pra mim, cueca furada é sinônimo de tanto esfregar o tecido que levou várias “freadas”…. se é que me entende.
    (ah sim, como bom “macho”, claro que entende o que é freada…arghhh)

  3. armud disse:

    hahahahaah

  4. vcs não tem foto de garotos pelados????

  5. ArmuD disse:

    CARA TAINA ….

    TEMOS AS NOSSAS
    MAS SOH ENVIAMOS MEDIANTE PAGAMENTO ANTECIPADO ….

    HUA HUA HUA HUA UHA

    – GAROTOS SÃO ESPERTOS & Ñ GAROTOS SÃO PELADOS –
    ***DUFF

  6. nilson disse:

    eu tenho acueca rasgada

  7. eduardo disse:

    Tem minha foto pelado

  8. Ligia disse:

    oi se vcs tem fotos de vcs pelados passa pra mim?

  9. Andressa França disse:

    Ri demais com o texto. Eitaa seres de outro mundo mesmo! Mas são interessantes ;D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s